destaque

destaque
15 de abr de 2011

COLEÇÃO HISTÓRIA GERAL DA ÁFRICA




Publicada em oito volumes, a coleção História Geral da África está agora também disponível em português. A edição completa da coleção já foi publicada em árabe, inglês e francês; e sua versão condensada está editada em inglês, francês e em várias outras línguas, incluindo hausa, peul e swahili. Um dos projetos editoriais mais importantes da UNESCO nos últimos trinta anos, a coleção História Geral da África é um grande marco no processo de reconhecimento do patrimônio cultural da África, pois ela permite compreender o desenvolvimento histórico dos povos africanos e sua relação com outras civilizações a partir de uma visão panorâmica, diacrônica e objetiva, obtida de dentro do continente. A coleção foi produzida por mais de 350 especialistas das mais variadas áreas do conhecimento, sob a direção de um Comitê Científico Internacional formado por 39 intelectuais, dos quais dois terços eram africanos.

Fonte: UNESCO


Art. 26-A. Nos estabelecimentos de ensino fundamental e médio, oficiais e particulares, torna-se obrigatório o ensino sobre História e Cultura Afro-Brasileira.

 Com o ensino de História e Cultura Afro-Brasileira sancionado em lei, resta agora pensar na capacitação dos profissionais para lidar de forma respeitosa, imparcial e de cunho educacional perante uma cultura diferente, mas que possui ramificações muito fortes em nossa própria história.O foco agora deve ser na qualidade com que esse conteúdo chegará às crianças e adolescentes. Somos formados por uma escola, uma educação que estudava principalmente sobre a cultura européia, e os fatos e acntecimentos nacionais eram vistos em segundo plano, o que explica tamanha deficiência na identidade nacional dos brasileiros. Que essa iniciativa seja bem utilizada pelos bons educadores e que essa discussão ganhe força daqui pra frente,sempre em busca do conhecimento, em nome do acesso a informações e da construção de um pensamento crítico.
Download gratuito (somente na versão em português):

0 comentários:

Postar um comentário